Tchau, férias

Bom, hoje foi meu último dia de férias. Amanhã retorno ao trabalho. As pessoas me perguntam se sinto falta e, sim, sinto falta das minhas DIs e dos rolos dos canais vermelhos. Gosto do que faço. Aí quando respondo isso recebo aquele olhar do tipo “mew, c tem problema”.

Well, today was my last day off work. Tomorrow I get back to my routine. People sometimes ask me if I miss my job and, yes, I do miss it. Since I work with customs clearance, there are always some issue to solve and I like it. I like what I do. When that is the answer people listen to they look at me like “what the hell, are you nuts?”.

Pois é.

Oh, well, maybe.

Mas então, ontem o dia foi meio inútil, sabe? Nada que eu possa chamar de produtivo. Consegui finalizar as malas, agora só falta jogar um monte de papel fora. A melhor parte foi a noite, quando recebi a notícia de que fui selecionada para lecionar Logística Internacional em uma escola da região. Maravilha! Adoro compartilhar o que eu sei e tenho certeza que será uma experiência e tanto.

Yesterday it was some sort of a useless day, you know? I finished unpacking and now there’s a bunch of useless paper to throw away. The best part was at night, when I was noticed I was selected for teaching International Logistics in a school from this area. Wonderful! I love sharing what I know and I’m sure it will be a very pleasant experience.

Hoje o dia foi super legal. Eu me fiz o favor de acordar às 4h30 da manhã e não conseguir dormir mais. Aí me fiz outro favor e terminei de ler as Superinteressantes que estavam atrasadas até então. Isso é o que eu chamo de madrugada produtiva =P

It was a very nice day today. I made myself the weird favor of waking up at 4:30a.m. and not going to sleep again. Then I started reading the magazines I couldn’t because of the trip and it was good.

Deixei várias roupas na lojinha de um alfaiate aqui perto de casa para ele arrumar para mim. Tirei cópia de alguns documentos. Fui no cartório. Comprei um coisas no centro da cidade. Fiz as unhas (finalmente!). Fui no Itaú e o cara resolveu meu problema rapidinho, nem precisei fazer o que a moça de segunda-feira me falou (mardita moça). Fui na Caixa Econômica Federal e resolvi as coisas lá também. Almocei no centro e vim embora. Isso tudo até 13h30 da tarde. Maravilha, diz aí?

In the morning, I left lots of clothes to be fixed by a sewing man. Got some of my documents photocopied and had to made them officially recognized by the State. Bought some stuff. Had my nails done (finally!). Went back to the bank and the manager solved my problem very quickly, I didn’t even have to do what the lady told me on Monday. Went to another bank and solved everything there too. Had lunch and came back home. That was all done before 1:30p.m. Good timing, right?

Aí cheguei em casa, imprimi umas coisas, fiz a matrícula na pós-graduação, fiz 2 bolos de fubá, fui pegar um bolo de aniversário para o meu avô e fui para a casa dele. Feliz aniversário, Sr. Antônio!

Then I got home, printed some stuff, enrolled myself in a post-graduation class, made two cornmeal cakes and went to my grandpa’s birthday. Happy birthday, grandpa!

E isso tudo sem sentir sono! (Agora, sim, tô morta de sono…)

That was all done without feeling any sleep! (Now, yes, I feel horribly sleepy…)

Resumo das férias: conheci muita gente legal, tive experiências diferentes, comi coisas nojentíssimas, pasmei com o mardito dólar nessas últimas semanas, resolvi várias situações em apenas 3 dias úteis e descansei! Posso dizer que foi um período de muito conhecimento e superação. Com certeza valeu a pena =)

A summary of my vacation: I met a lot of cool people, had different experiences, tasted lots of disgusting things, was really amazed about the dollar value over the past weeks, solved a lot of issues in just 3 business days and, yes, I took some rest! All I can say is that it was a period of knowledge and overcoming myself in some situations. Certainly, it was worth the pain =)

Anúncios

Bancos são chatos

Bom, como eu volto a trabalhar na quinta-feira, estou correndo durante esses três dias úteis para conseguir resolver tudo o que puder em horário comercial, ou seja, bancos.

Na parte da manhã eu preparei algumas coisas no computador e organizei outras. Almocei e fui aos bancos.

1) Itaú: depois de esperar 45 minutos, finalizei meu problema em 2 minutos com a gerente. O problema é que não foi finalizado. Ela só conseguiu tirar uma dúvida minha, aí agora eu vou ter que voltar lá na quarta-feira para conseguir finalmente acabar com o assunto.

2) Caixa Econômica Federal: mew, eu nunca vou no banco, utilizo todos os serviços ao meu alcance para não ir pessoalmente ao banco. Faz uns 3 anos que não entro na Caixa Econômica. Aí hoje que eu tinha tempo e precisava ir tinha um bilhete furreco na frente: Por motivos de falhas no sistema interno, nenhum atendimento será realizado no dia 28/05/2012. Puta merda, né? Só por que eu tava ali?!

3) Santander: apesar de todos os cartazes possíveis de PROIBIDO O USO DE CELULAR, eu lerda pra caramba usei o celular e levei um xingo do guardinha. Depois dessa zica e de 10 minutos de espera, resolvi pular a parte da gerência e pergunta para uma daquelas mocinhas do “posso ajudar?”. Ela simplesmente me disse que teria que ser resolvido por telefone, não poderia ser resolvido pessoalmente no banco. Aaahh, vá entender!!

Aí eu vim embora, peguei o telefone e resolvi em menos de 3 minutos. Mew, não entendo. Quando tem que ser no banco, eu só posso por telefone, quando eu posso pessoalmente, tem que ser por telefone… não entendo.

Agora fui obrigada a tomar uma sopinha chique pra caramba de janta. Nada mais de comida nojenta =D

Boa noite feliz para todos.

Zatara

Bom, essa coisinha preta aqui na foto é o Zatara. Ele é um Terra Nova e tem apenas 2 meses de vida.

É um cãozinho super tranquilo, até parece que o menino tá doente de tão gente boa que ele é. Apesar de ser tranquilo e ter pouco tempo de vida, já sabe pedir comida e fazer caras e bocas para impressionar todo mundo.

Agora ele está pequenininho, mas é bem possível que ficará bem parecido com o pai.

Conheçam o novo membro da família:

Folga

Hoje cedo tive uma prova de boa e depois da aula passei na farmácia para comprar meu almoço, vim para casa, comi e dormi das 13h30 até às 16h. Maravilha. Estava precisando descansar.

Depois de ficar boiando o dia inteiro, estou pronta para mais duas semanas antes de voltar para o Brasil.

Última atividade do dia: assistir um filme e comer um Suflair, que foi presente de uma amiga do trabalho (valeu, Pati!).

Presente

Na sexta-feira antes de sair do Brasil, assim que cheguei em casa vi que tinha um vasinho de flor em cima da minha cama. Era um presente de uma amiga minha, a Milena. Não era somente um vasinho de flor, tinha um cartão super legal e uma tag de mala bem diferente também. Adorei tudo!

Muito obrigada, Milena!

Acusticozinho

No sábado passado fui ao teatro ver Acusticozinho, um stand up musical com Diogo Portugal e Rogério Cordoni.

Foi a primeira vez que eu assisti um stand up, então não tenho base comparativa nenhuma, mas eis a minha opinião: não deu muito certo. A maior parte do conteúdo é sexual, o que sempre se torna engraçado de uma forma ou outra, mas era isso, não tinha muita coisa para ser abordada além disso.

O som que eles fizeram foi legal (guitarra e baixo), mas faltou algo… talvez meu espírito no dia não estava tão bom para piadas, vai ver, né.

 

Experiências + Saudades = Vida?

Pois então, o fim chegou. Retornei ao Brasil há exatamente 1 mês – completados hoje, que é também a data da última postagem no meu blog. Sim, comecei o blog 1 mês antes de viajar e termino 1 mês após o meu retorno.

Sooo, here is the end. I returned to Brazil a month ago and today is also the date of my last post here in my blog. Yes, I started writing it a month before leaving Brazil and the end is today, a month after coming back.

Nunca expliquei aqui o motivo do nome do blog, achava meio explicativo por si só. Havia um outro motivo por trás disso, mas não existe mais. Então vamos lá: como o blog sempre foi voltado para as minhas experiências nos EUA, com certeza eu iria sentir saudade das coisas e pessoas no Brasil, e a minha pergunta sempre foi “Será que todo esse ano vai me transformar em uma pessoa melhor? Será que isso vai ter grande parte na formação da minha vida?”. Foi quando surgiu o nome do blog.

I never explained the reason for the name of my blog (Experiences + Longing = Life?) because I thought it was self-explanatory. There was another reason behind it, but it doesn’t exist anymore. Here we go: this blog was created to talk about my experiences in the USA, and I knew I would miss a lot of people and things I left in Brazil. Behind all that, my question was “Will this whole year make me a better person? Will it play a big role in my life?”. That’s when the name of this blog was created.

A resposta: sim, 1 ano de intercâmbio fez a minha vida mudar e, certamente, terá um grande papel em tudo o que irá acontecer daqui em diante. Além de tudo o que eu citei em um post anterior (I learned… I lost), algumas coisas mudaram na minha vida pessoal. Não estou mais namorando, perdi o contato e a integração com vários amigos que tinha na faculdade… aliás, não está sendo nada fácil a adaptação na faculdade. Tudo bem, só tive duas semanas de aula, mas o choque para mim ainda está sendo muito grande. Além de ter perdido todas essas coisas, ainda não consegui me desligar completamente das pessoas que conheci nesse ano. É muito estranho, mas sabe quando você vê algo e pensa “putz, pessoa X iria gostar de ver isso”? Então, isso tem acontecido com bastante frequência e eu sei que preciso me distanciar disso tudo. Só que tá demorando demais! Acho que uma macumba deve funcionar 😛

The answer: yes. One year of exchange program changed my life and it will certainly have a great role in everything that happens from now on. Besides everything I mentioned in my previous post (I learned… I lost), some stuff changed in my personal life. I don’t have a boyfriend anymore, I lost contact and interaction with a lot of friends at University… By the way, it has been very difficult to adapt to University again. I’ve only had 2 weeks of classes, that’s fine, but it has been a shock still. Besides losing all these things, I still couldn’t disconnect myself from the people I met in the USA. It’s very weird, but you know when you see something and you think “man, person X would love to see this!”? Yes, this is what’s been happening very frequently with me. I know I need to let everything go, but it’s hard. I’m taking too long to do it.

Algumas pessoas me perguntaram porque eu vou terminar o blog. Simplesmente porque não há finalidade nenhuma em manter isso. Foi criado por causa da viagem, a viagem já acabou, ou seja, acabou-se a finalidade do blog. Missão cumprida.

Some people asked me why I’m finishing my blog. Simply because there’s no reason anymore to keep doing it. My blog was created for the exchange program, there’s no program anymore, meaning there’s no blog anymore. Mission accomplished.

Quando eu respondo isso, as mesmas pessoas ficam meio cabreiras comigo, então eu digo que de vez em quando eu ainda posso postar algo aqui, mas que será totalmente inútil, não divulgado e sem razão nenhuma. Mas não pretendo postar mais nada mesmo. Isso tudo vai ficar como um registro das coisas que vivi. Talvez eu volte e releia as coisas que aconteceram. Talvez alguém se interesse em ler sobre as coisas que aconteceram, mas só. Acabou.

When I give this answer, the same people look at me with a weird face, so I tell them that I may update some stuff once in a while, but it will be totally useless and without reason. Indeed, I don’t have any intentions of posting something else. This blog will be a record of everything that happened, everything I experienced. I may read everything again. Maybe someone who is interested in reading all the stuff come here and do it, but nothing else. It’s over.

Agradeço as pessoas que compartilharam dessas experiências comigo, pessoas que me apoiaram esse tempo todo, pessoas que me fizeram rir quando eu estava triste, pessoas que me ajudaram de verdade. Obrigada pela companhia nesse ano, isso ficará registrado aqui 🙂 Afinal de contas, as experiências de vida e as saudades das pessoas queridas são realmente o que formam quem uma pessoa é. Aprendizado e conhecimento transformam qualquer um. Foi isso que aconteceu comigo e é isso que eu vou levar para a minha vida.

I’m thankful to everyone who shared these experiences with me, everyone who supported me all this time, everyone who made me laugh when I wanted to cry, everyone that helped me truly. Thank you for the companionship during the year 🙂 After all,  life experiences and everyone you love are what really make you who you are. Apprenticeship and knowledge change everyone. This is what happened with me and this is what I will take as a lesson for my life.

Experiências + Saudades = Vida?

Experiences + Longing = Life?

Experiências + Saudades = Vida!

Experiences + Longing = Life!

Tchau! =)

Goodbye! =)

Entradas Mais Antigas Anteriores