San Antonio, Part II

No sábado tomamos café juntos no hotel e fomos para o Alamo de manhã, que é tipo um prédio histórico com informações sobre a independência do Texas, que já foi um país antes de se unir aos EUA.

Seguimos para o Enchanted Ranch que fica escondido no meio do nada. Fomos lá porque foi um dos lugares que a Oprah sugeriu como um dos melhores para se visitar em família e tem tudo a ver com o Texas. Algumas emissores de TV alugam áreas do rancho como cenário para reality shows ou filmes, então eles ainda preservam todas as casas e o que quer que seja como relato histórico do lugar.

Até que foi interessante, deu para ver umas coisas diferentes (ex.: zebras), mas como era tudo ao ar livre, eu estava melando que nem um picolé. Maior calorzão dos infernos, estava fazendo 35 graus naquele dia. Vimos uns shows tipo teatro, uma moça mostrou como usar uma arma e um chicote, demos uma volta de trator, aquela coisa pra New York ver.

Esse foi um teatro no meio do sol desgraçado.

Fomos almoçar em um restaurante chamado Hungry Horse e as porções dos pratos tinham nomes diferentes. Você poderia pedir um poney se não estivesse com tanta fome, um horse se estivesse com fome e um stupid horse se estivesse mega faminto. Eu não escolhi o meu prato, ICx escolheu porque eles iam pagar a conta.

Essa foi a minha refeição poney… um bifão à milanesa com molho em cima, um monte de vagem com molho também, purê de batata com direito a casca e tudo, e um pão de milho. Eu comi legal, mas deixei bastante coisa no prato ainda, a porção era gigantesca.

Seguimos então para Boerne, uma cidade perto de San Antonio com descendência alemã. Gente, o hotel era muito belezinha. Cada quarto tinha nome, não número, e cada quarto era decorado de forma diferente. Eu fiz questão de entrar nos 4 quartos que nós tínhamos e tirar foto de cada um. O meu foi o mais normal de todos, mas o lugar em si era muito belezinha. Todos os detalhes super bem pensados e tudo organizado, gostei.

Essa é a decoração de um dos banheiros, só para ter uma ideia.

Combinamos de nos encontrar as 18h para irmos ao River Festival que ficava na cidade vizinha. Chegamos lá e o festival tinha acabado de acabar, mas mesmo assim todo mundo ficou por lá. É um negócio meio bizarro, sabe. Um rio com umas árvores gigantescas ao redor com um monte de gente sentada numa boia. E assim foi o River Festival.

Como eu não gosto dessas coisas e nem estava preparada para pular num rio, fiquei lá sentada na grama ouvindo as músicas do Mamonas Assassinas no meu celular. Olha o que eu encontrei no meio do caminho:

O nome dele é Rosco, belezinha, né?

OK. Depois que todo mundo já tinha saído do rio, fomos procurar um restaurante para jantar. Só para diferenciar um pouco, achamos um mexicano e ficamos por lá. Só que eu não estava com um pingo de fome. Pedi um sanduíche de queijo no tamanho Kids. Xé, comi metade do sanduíche o deixei todas as batatas fritas no prato. Não consegui comer porque (1) estava cheia demais do almoço e (2) tinha uma poça de óleo no meu prato, eca.

Voltamos para o hotel belezinha, tomei um banho, estudei um pouco e não estava com sono. Fiquei do lado de fora conversando com o Tamer. Daí senti sono e fui dormir.

Anúncios

1 comentário (+adicionar seu?)

  1. Luciana Monteiro
    jun 29, 2010 @ 13:20:39

    Não conseguiu comer a porção poney inteira e nem o sanduiche?!?

    Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: