Dando nome aos bois

Todo mundo que já fez algum curso de línguas sabe que sempre existe aquela matéria do cão onde tem a árvore genealógica com os nomes de cada membro da família.

Mew, pra que?!

Sabe, eu nunca fui boa em saber o nome de cada “papel” da pessoa na família. Pra que raios eu vou querer saber o que é um genro, o que é uma nora? Para mim basta saber que é parente e pronto. Não estou nem um pouco interessada em dar nome a esses bois aí. Eu tenho problemas para identificar isso em português. Tenho problemas para identificar essas coisas até na minha própria família. Não gosto, não vejo finalidade.

Amanhã eu tenho prova de francês na parte da manhã e de alemão na parte da tarde. Sim, já zoou o barraco aqui no meu cérebro. É a primeira vez que as duas provas caem no mesmo dia. Isso foi porque a professora de alemão faltou um dia, maledeta.

O problema é que o conteúdo das duas provas é com a bendita árvore genealógica. Mew, se eu não sei o nome desse povo da família nem em português, como é que eu vou saber esses nomes em alemão e em francês? Nem em inglês sai direito.

Rezem por mim.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: