Habitat for Humanity

Outro lugar que nós fomos na sexta-feira é o Habitat for Humanity. Uma ONG que trabalha para construir casas para pessoas que perderam tudo em desastres naturais ou que realmente não tem nada.

Nós não fomos na administração em si, nós fomos em uma loja que se chama ReStore. É como se fosse um galpão gigantesco com algumas prateleiras e lá você encontra de tudo para casa, portas, geladeiras, lâmpadas, fogões, sofás, cadeiras… o que você imaginar. Eles conseguem os produtos através de doações e os revendem abaixo do preço comum. Com o dinheiro, eles compram os materiais de construção para as casas.

DSC00007Isso é só uma parte do galpão, onde ficam as lâmpadas e até que está meio organizado.

Quando nós chegamos, tivemos que preencher uma ficha de voluntariado e eu já comecei a ficar meio ”cabreira” com aquilo. Por que eles estavam nos dando uma ficha de voluntariado se a gente só foi lá para saber como tudo funciona?! Beleza. Preenchi tudo numa boa. Daí um cara apareceu e explicou o que eles faziam. As últimas palavras dele foram mais ou menos assim:

– Obrigado por terem vindo, com certeza a ajuda de vocês hoje será muito útil para todos. Vocês podem começar organizando a última fileira, onde estão as portas e armários. Nós precisamos fazer com que o corredor fique livre para as pessoas conseguirem andar por lá. Qualquer problema, é só falar comigo. E tomem cuidado, porque muita gente se machuca aqui.

Ah, aí acabou com tudo. Chamei o coordenador que estava com a gente e perguntei:

-Eu entendi direito? Ele pediu pra gente trabalhar?!

– Sim, é isso que nós viemos fazer hoje, 2h de trabalho voluntário. Você não sabia?

– Claro que não! Ninguém me falou nada e eu não teria vindo com essa roupa se soubesse que teria que trabalhar aqui e eu não vou ficar trocando as portas de lugar.

Ah, fiquei p da vida com aquilo, mew. Por que ninguém avisou?! E não era só eu que estava com cara de bunda, não. Vocês precisavam ver as caras do americanos do grupo, eles estavam mais pasmos que eu e olha que eu realmente não gostei daquilo. Sabe, eu não me importo de fazer trabalho voluntário, mas eu realmente preciso me preparar psicológicamente para isso. Teria ido com uma roupa diferente, que pelo menos não fosse branca! E nem teria me preocupado em levar meu livro pra ler. Teria me alimentado melhor até, porque eu só tinha comido metade de um sanduíche antes de ir para lá.

Ok. Conversei com a moça responsável lá e ela disse que eu podia varrer ou tirar o pó se quisesse. Isso eu posso fazer e não me importo. Eu até gosto de varrer e comecei do final do galpão. Depois de 1h15 de trabalho voluntário, eu já estava pedindo para ir embora. Fui pegar uma água e vi que os egípcios e os americanos estavam na mesma situação que eu. Ninguém estava acostumado a fazer aquilo. O coordenador percebeu a situação e a gente foi embora antes. (Graças a Deus!)

Mew, muito da hora a iniciativa da organização, apoio numa boa. Mas fazer trabalho voluntário-surpresa é uma coisa que eu definitivamente não gosto.

Anúncios

3 Comentários (+adicionar seu?)

  1. Tati Oliveira
    nov 02, 2009 @ 09:34:41

    Nossa com certeza trabalho voluntário dessa forma sem avisar acaba se transformando em trabalho forçado.

    Responder

  2. Luciana Monteiro
    nov 02, 2009 @ 11:13:55

    Puts, que surpresa heim?!?!?!

    Mas também achei muito interessante a iniciativa deles, isso ia ser muito útil por aqui.

    Responder

  3. Tais
    nov 02, 2009 @ 20:56:55

    Isso ia ser bem útil com essas chuvas apocalípticas que temos por aqui. Mas, esse acabou sendo um trabalho invonlutário pra você e pros outros alunos também, heim? =\

    Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: