Uma sombra passou por aqui

illustrated_man

 Entao, assisti esse filme ontem a noite no apartamento. O nome em ingles ‘e The illustrated man e em portugues, Uma sompra passou por aqui (!). Nao me perguntem porque raios tem essa traducao, mas eu achei tao nada a ver…

O filme ‘e longo, tem 2h de duracao e eu nao entendi bulhufas. Acho que tenho que ler sobre isso na internet para conseguir entender o sentido do filme ou, pelo menos, o que o diretor quis mostrar com essa historia.

Fala sobre um homem que conhece uma mulher e essa mulher desenha coisas no corpo dele. Nao sei como ele deixou, mas a mulher conseguiu desenhar no corpo todo do cara (menos no rosto e no pescoco)… tipo, corpo todo mesmo… sim, mesmo. As figuras que a mulher desenhou, de acordo com o cara, sao amaldicoadas ou coisa assim. Qualquer pessoa que fica olhando para as figuras diz que tudo se mexe e ganha vida, dai elas comecam a sonhar com umas coisas sem nocao e tal. So que tem uma parte nas costas do cara que nao tem desenho nenhum e ele diz que nessa parte as pessoas conseguem enxergar o futuro.

‘E um filme muito bonito, ‘e antigo, mas a fotografia ‘e interessante, os desenhos sao muito bem feitos, os efeitos especiais (varias partes do filme sao no futuro e eles acertaram quanto ao design e arquitetura arrendodados, a casa deles parece um iPod gigante) tambem sao bem pensados. Mas, sei la, acho que eu viajei legal nesse filme. Nao entendi a finalidade de tudo aquilo.

Anúncios

5 Comentários (+adicionar seu?)

  1. Gabriela
    set 18, 2009 @ 13:45:10

    EU nunca ouvi falar desse filme aqui.
    beijos

    Responder

  2. Luciana Monteiro
    set 19, 2009 @ 18:17:48

    Filme sem noção.
    vários desenhos e o futuro nas costas?!?!?
    rsrsrs
    só viajando mesmo.

    Responder

  3. Tais
    set 19, 2009 @ 23:01:31

    Já sei. Essa mulher é a Jiglipuff brasileira (não sei se é assim que escreve, mas tem um pokemon todo fofinho que o “poder” dele é cantar e quando a pessoa dorme, ele rabisca a pessoa). hahahah

    Responder

  4. Carlos Machado
    out 02, 2013 @ 09:33:55

    Um filme excelente, baseado em conto de Ray Bradburry. Na verdade, são 18 contos reunidos em um livro. Bradburry adaptou os que iriam para a versão do cinema. Ótima interpretação de Rod Steiger (oscar de melhor em 1967, pelo filme No Calor da Noite).

    Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: