O menino do pijama listrado

johnboyne

Li este livro todo ontem.

Conta a história de um menino de 9 anos de idade nascido em Berlim. Seu pai é militar e, como ordem de Hitler, é promovido para trabalhar em um campo de concentração. Como consequência disso, toda a família de Bruno é obrigada a se mudar para uma casa próxima a Auschwitz.

Bruno detesta a nova casa, mas fica intrigado com as pessoas que usam um pijama listrado e moram em um lugar estranho que ele pode ver através da janela do seu quarto, esse lugar é separado por uma cerca. Ele ficar entediado por não ter o que fazer e começa a andar em volta da casa. Até que um dia ele encontra um garoto que mora do outro lado da cerca e usa um pijama listrado. O garoto e Bruno começam a conversar e se tornam amigos.

Tudo isso acontece em um cenário de proibição, traição e mudanças. Ao longo da história, vários dilemas são mostrados e o mais intrigante no livro é que tudo é contato do ponto de vista de uma criança de 9 anos de idade. O final é excelente e a grande sacada do autor foi conseguir escrever tudo como uma criança pensa. Tanto que a palavra Führer é entendida por Bruno como Fúria e Auschwitz, como Haja-Vista. A inocência e a ingenuidade dele tornam a história interessantíssima.

Anúncios

5 Comentários (+adicionar seu?)

  1. Gabriela
    jul 10, 2009 @ 23:40:30

    Interessante Nicole!
    Parece que já saiu o filme sobre a história desse livro ^^

    Responder

    • Nicole Gica
      jul 11, 2009 @ 09:27:07

      Gabi, é isso mesmo. O filme é recente, não acho que todos os cinemas exibiram, porque não foi muito divulgado. Eu vi o cartaz em uma locadora aqui em Caçapava. Então, se já chegou aqui, chegou nos outros lugares também 😛

      Responder

  2. Déh Amatto
    jul 11, 2009 @ 16:01:53

    E daiii Nicoletees!
    Eu to lendo “A menina que roubava livros”.
    Também conta um pouco da história cruel e deprimente do nazismo.
    Só que do ponto de vista da própria Dona Morte! =)

    Responder

    • Nicole Gica
      jul 12, 2009 @ 22:19:29

      A menina que roubava livros também achei muito bom. Só que eu tive um pequeno delay enquanto lia… apesar de estar escrito na contracapa que é a morte quem faz a narração da história, eu só descobri isso quando estava nas últimas 30 páginas do livro!!! Mew, quando caiu a minha ficha, eu me senti super mal, porque eu tentava descobrir quem era o narrador durante a história toda e não conseguia! Fala sério 😛 Tenho certeza que vc vai gostar, é uma ótima leitura.

      Responder

      • Luiz Tiago
        jul 15, 2009 @ 13:20:05

        Também tenho (e li) A Menina que roubava livros. Muito interessante! Mas antes de começar a ler já tinha visto que a narradora seria a morte e isso que aconteceu com você (Nicole) de só descobrir depois deve ter sido maravilhoso. A expectativa de encontrar o personagem e ter essa surpresa é uma experiência que eu queria ter tido! Muito legal! O livro: eu recomendo! rs

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: